Quando Jesus nasceu realmente? Descubra curiosidades sobre essa data tão famosa

Por <b>Rodrigo Silva</b>

Por Rodrigo Silva

Arqueólogo

No dia 25 de dezembro é comemorado o Natal, data que celebra o nascimento de Jesus. No entanto, há divergências entre os estudiosos neste assunto. Para saber mais sobre quando Jesus nasceu e outras curiosidades, continue lendo esta matéria.

Continue lendo para saber porque historiadores e religiosos divergem sobre a data de quando Jesus nasceu. | Foto: Freepik.

Quando Jesus nasceu? 

Quando Jesus nasceu, realmente? Jesus nasceu em uma época de grandes transformações na história da humanidade. Ele veio ao mundo por volta do ano 4 a.C., em uma pequena vila chamada Belém, localizada na região da Judeia. Embora a data exata do seu nascimento seja incerta, a tradição cristã celebra o Natal no dia 25 de dezembro, em memória do evento.

 

Naquela época, a região onde Jesus nasceu estava sob o domínio do Império Romano, que havia conquistado a região cerca de um século antes. A dominação romana trouxe grandes mudanças na região, incluindo a imposição da cultura e da língua romana, a criação de um sistema de estradas e de governança centralizada, e a instalação de uma série de impostos que afetaram profundamente a vida dos habitantes locais.

 

Apesar da dominação romana, a região onde Jesus nasceu era marcada por uma grande diversidade cultural e religiosa. Além dos judeus, havia também diversas comunidades de outros grupos étnicos, como gregos, romanos, sírios e egípcios, cada um com suas próprias crenças e práticas religiosas.

 

Foi nesse contexto que Jesus nasceu, em uma família simples de camponeses. A sua vida e ensinamentos influenciariam profundamente não só a religião cristã, mas também a cultura, a filosofia e a política em todo o mundo, fazendo dele uma das figuras mais importantes da história da humanidade.

 

Historiadores e religiosos divergem nesse assunto

Historiadores e religiosos divergem quando o assunto é a data de quando Jesus nasceu. Existem algumas razões pelas quais a data do nascimento de Jesus é diferente nas descrições bíblicas e nas explicações de historiadores. Uma das principais razões é que a Bíblia não fornece uma data exata para o nascimento de Jesus, apenas algumas pistas vagas sobre o tempo em que ele nasceu. Por outro lado, os historiadores têm se baseado em evidências históricas, como registros de eventos astronômicos e relatos de fontes não-bíblicas, para tentar determinar uma data mais precisa.

 

Assim, a data do nascimento de Jesus continua sendo objeto de debate e incerteza, e diferentes tradições religiosas e culturais celebram o Natal em datas diferentes, dependendo das suas próprias interpretações e crenças. O importante é que, independentemente da data exata, o nascimento de Jesus continua sendo uma das histórias mais significativas e influentes da história da humanidade.

 

Qual parte da Bíblia fala do nascimento de Jesus?

O momento quando Jesus nasceu é mencionado em dois dos quatro Evangelhos do Novo Testamento da Bíblia cristã: o Evangelho de Mateus e o Evangelho de Lucas.

 

No Evangelho de Mateus, o nascimento de Jesus é descrito a partir do ponto de vista de José, o noivo de Maria. O texto relata que Maria ficou grávida do Espírito Santo e que José foi avisado por um anjo em um sonho para não temer em se casar com ela. O evangelho também cita a visita dos Três Reis Magos, que foram guiados por uma estrela até o local do nascimento de Jesus em Belém, onde lhe ofereceram presentes de ouro, incenso e mirra.

 

Já o Evangelho de Lucas apresenta uma narrativa mais detalhada do nascimento de Jesus. O texto relata que Maria foi visitada por um anjo que lhe anunciou que ela seria a mãe do Salvador. O evangelho também menciona a viagem de José e Maria a Belém para se inscrever no censo, a falta de espaço nas hospedarias da cidade, e o nascimento de Jesus em uma manjedoura. O texto também relata a visita dos pastores, que receberam a notícia do nascimento de Jesus por meio de um anjo.

 

Além disso, outras partes da Bíblia fazem referências ao nascimento de Jesus, como em algumas epístolas do Novo Testamento e nos livros proféticos do Antigo Testamento que anunciavam a vinda do Messias.

 

Qual a ideia por trás da escolha do dia 25 para o Natal? 

A escolha do dia 25 de dezembro para a celebração do Natal é cercada de especulações e controvérsias. Existem várias teorias que tentam explicar a origem dessa data, mas nenhuma delas pode ser comprovada com certeza.

 

Uma das teorias mais populares é que a data do Natal foi escolhida para coincidir com a festa pagã romana do solstício de inverno, que ocorre no hemisfério norte entre os dias 21 e 23 de dezembro. Na época do Império Romano, essa festa era celebrada com grandes banquetes, presentes e luzes para celebrar o retorno do sol e a promessa de dias mais longos e mais quentes. A Igreja Católica teria então adotado essa data para atrair os pagãos romanos para o cristianismo, substituindo a celebração pagã por uma festa cristã.

 

Outra teoria é que a data do Natal foi escolhida com base em cálculos astrológicos. Segundo essa teoria, a data teria sido escolhida para coincidir com a suposta data da concepção de Jesus, que teria ocorrido nove meses antes, no dia 25 de março, que era a data da Anunciação, quando o anjo Gabriel anunciou a Maria que ela seria a mãe do Salvador.

 

Há também a teoria de que a data do Natal teria sido escolhida com base em tradições judaicas. De acordo com essa teoria, Jesus teria nascido no dia 25 de Tishri, que é o primeiro dia do ano judaico e marca o início do festival de Rosh Hashanah, uma das mais importantes celebrações judaicas.

 

Independentemente da origem da escolha da data, o fato é que a celebração do Natal se tornou uma das mais importantes festas cristãs, marcando o nascimento de Jesus Cristo, que é considerado pelos cristãos como o Filho de Deus e o Salvador do mundo. A data é celebrada com alegria e gratidão em todo o mundo, com missas, orações, canções e trocas de presentes entre amigos e familiares.

O Natal, celebrado no dia 25 de dezembro, comemora o nascimento de Jesus. | Foto: Freepik.

A Bíblia comentada: Rodrigo Silva Arqueologia

Se você tem interesse em expandir seu repertório no conhecimento de Deus e de Sua palavra, recomendamos o curso “A Bíblia comentada com Rodrigo Silva”. Ao participar desse curso, você tem acesso a aulas semanais e aprende mais do contexto bíblico, além de dicas para interpretar e compreender a Bíblia nos dias atuais. A plataforma conta com algumas aulas gravadas, com uma metodologia desenvolvida para auxiliá-lo em seu crescimento espiritual.

Aprenda mais sobre a Bíblia

Por aqui, não há limites para se aprofundar nas Escrituras Sagradas. Inscreva-se abaixo para receber conteúdos sobre a Bíblia, a Arqueologia e muito mais.

19 respostas

    1. Tenho uma dúvida quanto ao ano do batismo de Jesus Cristo. Lucas diz ser no 15° ano de Tibério; e aprendi ser no ano 27 ec; assim, a morte no ano 31. A questão é sobre dados da morte de Herodes em 4 ac, segundo parte dos historiadores. Se assim o é; Jesus teria nascido em 5 , 6 ou 7 ac. Isso não invalidaria o cálculo daa 70 semanas, com a data para o batismo de Jesus, em 27 ec, sua morte em 31 e o fim do periodo , em 34 dc? Não haveria a possibilidade de Herodes ter morrido em 3, 2 e/ou 1 séc?

  1. Prof.Rodrigo Silva: Creio que a Bíblia foi inspirada por Deus. Não suscito nenhuma dúvida. Por isso gosto de saber os detalhes das circunstâncias em que ela foi escrita , para ajudar meus semelhantes a entendê-la. Não desejo ser uma Biblioteca ambulante, mas, sim, um servo desse Deus tão bondoso e do Seu amado filho Jesus.

  2. Olá!
    Já estou inscrita no curso, e sempre estou pesquisando para saber mais sobre Yeshua (Jesus ) sobre a data de nascimento ser comemorada 25 de Dezembro, foi realmente por intenções humanas que ilude e mantém em cativeiro as mentes humanas.
    Obrigada
    Marcia Albuquerque.

  3. Gosto muito de estudar com o pastor Rodrigo, agradeço pela ajuda com os estudos. Quero aprender para transmitir a outras pessoas. Q Deus abençoe.

  4. Estou amando receber esses textos esclarecedores sobre a Palavra de Deus. Tenho aprendido bastante com o Dr. Rodrigo Silva. Que Deus continue abençoando e protegendo sua vida 🙏🏽

  5. É tão bom ter essas lisos da palavra e tão maravilhoso muito obrigado PR Rodrigo que Deus abençoe muito eque o senhor seja sempre iluminado por Deus para nos ajudar

    1. Me deleito nas explicações desse homem ,com ensinamentos tão nobre diante de um Deus tão grande! Parabéns pelos seus conhecimentos, e que Deus te dê sempre essa luz para dividir com nós!

  6. Muito bom esse comentário sobre o natal assisto sempre que dá comentário s com Rodrigo Silva. É muito valioso cada texto e explicação. Amo tenho aprendido muito.

  7. Gostei muito da matéria sobre a escolha da data do nascimento de Jesus Cristo .
    É muito bom estudar a Bíblia sob a explicação de Rodrigo Silva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ CONTEÚDO
tenda
Devocional
Equipe Rodrigo Silva
A tenda do encontro

Em Êxodo 33 encontramos um relato sobre uma tenda que pode muitas vezes passar despercebido. A história apresentada vai do versículo 7 ao 11, mas

Ler mais »
eliezer
Devocional
Equipe Rodrigo Silva
Eliezer e a resposta de Deus

No capítulo 24 do livro de Gênesis, somos apresentados a uma jornada significativa na vida de Abraão, marcada pela busca de uma esposa para seu

Ler mais »
manuscritos
Arqueologia Bíblica
Equipe Rodrigo Silva
Os Manuscritos do Mar Morto

Até a revelação dos Manuscritos do Mar Morto, a mais antiga cópia em hebraico completa do Antigo Testamento datava de 1008 d.C., conhecida como Codex

Ler mais »
talentos
Devocional
Equipe Rodrigo Silva
A Parábola dos Talentos

Na Bíblia Sagrada, encontramos inúmeras histórias e ensinamentos que vão além dos séculos, oferecendo-nos orientações valiosas para nossa jornada espiritual. Uma dessas poderosas parábolas é

Ler mais »
moedas
Arqueologia Bíblica
Equipe Rodrigo Silva
As moedas nos tempos de Jesus

As moedas utilizadas nos dias de Jesus eram mais do que simples meios de troca; eram símbolos culturais e econômicos que desempenhavam papéis específicos na

Ler mais »
livros
Dúvidas Bíblicas
Equipe Rodrigo Silva
Livros Proibidos do Cristianismo

Hoje, convido todos vocês para uma viagem fascinante pelo universo dos livros proibidos do cristianismo. Essa é uma parte da nossa história que tem sequelas

Ler mais »