Moda na Bíblia? Conheça os tecidos e as cores usados nos tempos bíblicos

Por <b>Rodrigo Silva</b>

Por Rodrigo Silva

Arqueólogo

A moda é uma forma de expressão, de identidade e varia entre as culturas. A roupa é como uma espécie de cartão de visitas para cada pessoa, ou seja, a forma como nos vestimos influencia em diversos fatores na vida, pois pode refletir autoridade, desleixo, modéstia, vulgaridade e por aí vai. 

 

Mas, afinal, nos tempos bíblicos existia moda? Neste texto, contaremos quais eram os tecidos e as cores mais usadas.

moda na bíblia
Tecidos com fibra natural eram os mais usados nos tempos bíblicos. | Foto: Unsplash.

Tecidos usados nos tempos bíblicos 

Atualmente, temos tecidos dos mais variados tipos, texturas, cores e formas, pois a tecnologia que adquirimos permite o desenvolvimento com diferentes materiais, inclusive, o plástico, mais conhecido como poliéster. Contudo, antigamente, os recursos eram diferentes e a principal fonte de produção advinha da natureza.

 

Os tecidos mais comuns nos tempos bíblicos eram de materiais naturais, como linho (feito a partir de hastes de planta), lã (derivada do pelo de animais como ovelha, alpaca e lhama) e couro (produzido com pele de animais). Esses materiais eram amplamente utilizados na confecção de roupas, tapeçarias e demais produtos têxteis.

Linho

O linho é feito a partir de plantas herbáceas, extraído do talo, desde a raiz para que tudo seja aproveitado. De nome científico linum usitatissimum, possui uma estrutura de casca e lenho, onde são encontradas as fibras naturais individuais. 

 

Antes de virar um tecido de fato, essas fibras passam por um longo processo de preparação, com maceração (com orvalho, água fria e água quente), secagem, espadelagem (separação da celulose de outras plantas), assedagem (tornar macio e lustroso), fiação e tecelagem.

 

No Antigo Egito, o linho era uma fibra muito utilizada para roupas finas e nobres. Em Êxodo 28 o texto descreve como eram as vestes sacerdotais e o linho é um dos tecidos usados. “E farão a estola sacerdotal de ouro, estofo azul, e púrpura e linho fino retorcido, obra esmerada (v. 6).”

 

Em Levítico, o linho é citado como veste do sacerdote. Levítico 16:4 – “Vestirá ele a túnica de linho, sagrada, terá as calças de linho sobre a pele, cingir-se-á com o cinto de linho e se cobrirá com a mitra de linho; são estas as vestes sagradas. Banhará o seu corpo em água e, então, as vestirá”.

 

Lã 

A lã era outra fibra natural bastante utilizada nos tempos bíblicos. Em geral, era obtida a partir da pelagem de ovelhas, cabras e carneiros e tinha como função principal esquentar as pessoas nos dias frios, além de ser um material durável. 

 

Assim como o linho, a lã era um tecido considerado nobre e, além das roupas, era utilizado em cobertores e nas tendas.

 

O uso da lã é citado em diversas passagens bíblicas, como, por exemplo: Êxodo 25, quando Deus manda trazer ofertas ao tabernáculo; Levítico 13:47-59, sobre casos de lepra em roupas de lã e linho; Provérbios 31:13, no qual cita a mulher virtuosa e seu trabalho na busca de lã e linho; Ezequiel 34:3, o profeta repreende os líderes de Israel que comem gordura e vestem-se de lã, mas não cuidam das ovelhas.

 

O processo de produção da lã, em geral, é feito a partir da tosquia (raspagem ou corte) de pelo do animal, seleção e lavagem, carbenar (operação que consiste em abrir a fibras e remover impurezas, cardar (processo de escovar a lã para deixá-la uniforme e homogênea), fiar (transformar a lã em fio), torcer (deixar o fio mais compacto e resistente), meadas (transformar o fio em uma porção com várias voltas para outra lavagem) e, por fim, dobar (fazer novelos).

 

Couro 

O couro, por ser um material resistente, era bastante utilizado na elaboração de calçados, cintos, bolsas, bolsas de água e outros itens. 

 

O processo de produção desse tipo de tecido pode ser feito de diversas formas, mas em geral, é produzido a partir da retirada do couro, salga (armazenamento para que não apodreça), remolho (transformação da pele em couro), depilação (remoção de pelos), caleiro (retirar enzimas do material), desencalagem (remoção de impurezas) e acidificação (o ph do couro é acertado).

 

Em Êxodo 26:14, o uso de pele de carneiro tingida em vermelho é citado para produzir cobertores e proteção para a tenda; 1 Reis 1:8 cita que o profeta Ezequiel usava um cinto de couro; Mateus 3:4 e Marcos 1:6 revela-nos que João Batista usava roupas feitas com pelo de camelo e um cinto de couro.

 

Paleta de cores mais frequente 

Agora que sabemos quais tecidos eram mais utilizados nos tempos bíblicos, o que sabemos da paleta de cores da época? Atualmente, temos formas altamente tecnológicas de tingir e estampar tecidos, contudo, nem sempre o processo e as opções de cores foram tão diversificadas. Isso porque o acesso a corantes naturais era limitado, a depender da região e da época histórica.

 

O linho era frequentemente tingido em várias cores, como branco, marrom, azul e vermelho. No caso da lã, geralmente, as cores naturais mais utilizadas eram branco, marrom e preto. Já o couro era frequentemente tingido em marrom, preto e vermelho. 

 

Algumas cores mencionadas na Bíblia Sagrada e seus significados incluem:

  • Branco: pureza e santidade,
  • Azul: usado em roupas sacerdotais e símbolo de realeza;
  • Vermelho: usado em tecidos de alto valor e em significados religiosos;
  • Púrpura: cor associada à realeza e ao luxo;
  • Escarlate: mistura de vermelho com laranja;
  • Carmesim: outra variação de vermelho.

 

Essas e outras cores são citadas em diversas passagens bíblicas, como, por exemplo: Êxodo 26:1, que cita as cortinas do tabernáculo; Êxodo 28, sobre as vestes sacerdotais; Números 4:6-7, em que o Senhor diz como deve ser feito o transporte da arca; Provérbios 31:21-22, no qual é citada a cor das vestes da mulher virtuosa; Lucas 16:19, em que um homem rico é citado usando linho fino na cor púrpura; e Mateus 27:28, onde Jesus aparece coberto de um manto escarlate durante a crucificação.

 

A História do Povo de Deus 

Conhecer os costumes dos tempos bíblicos nos ajuda a compreender melhor o contexto e os costumes de cada época. Por isso, se você deseja saber mais sobre o assunto, o curso “A História do Povo de Deus” enriquecerá sua fé ao compreender a jornada de homens e mulheres de fé através dos tempos.

 

Neste curso, você participará de aulas semanais comigo e aprenderá mais sobre o contexto dos tempos bíblicos e histórico do mundo antigo. Toda a metodologia foi elaborada por mim para que você cresça espiritualmente e amplie seus conhecimentos em diversas áreas, como Arqueologia Bíblica, História e muito mais.

 

Aprenda mais sobre a Bíblia

Por aqui, não há limites para se aprofundar nas Escrituras Sagradas. Inscreva-se abaixo para receber conteúdos sobre a Bíblia, a Arqueologia e muito mais.

21 respostas

  1. A palavra de Deus me fascina Muito obrigado pela oportunidade de me aprofundar e adquirir conhecimento dentro do nosso manual de fé e prática a Bíblia Sagrada

  2. Boa noite feliz sábado!
    Como é maravilhoso conhecer a história bíblica do passado.
    Tô amando estudar com pastor Rodrigo Silva. Deus abençoe grandemente o seu ministério

  3. Boa noite.
    Amei o conteúdo apresentado, que para mim, foi de uma curiosidade surpreendente. Estou ansiosa para o início do curso.

  4. Não há palavras para dizer o quanto é maravilhoso estudar a Biblia com o Pastor Rodrigo Silva. Sinto-me feliz e regosijado.Parabens Pastor Rodrigo Silva, Deus abençoe o seu ministério..

  5. Boa. Noite para todos
    Como e maravilhoso
    Conhecer a historia biblica
    Do pasado e estuda com
    Rodrigo silva e muito bom
    Bom final de semana para todos

  6. Muito importante uma programação esclarecendo o resultado do perdão. Esta semana pode contribuir para a libertação de traumas que impedem a vivencia saudável de muitas pessoas. Já compartilhei para algumas pessoas que estão aprisionadas na cela do “não perdoo”. Que o Senhor conduza esta semana especial.

  7. Gosto muito de assistir os conteúdos postados do Dr Rodrigo, porque tem embasamento e comparação bíblica, tenho aprendido muito.

    Obrigada por compartilhar seus conhecimentos.

  8. Tenho me encantado com a quantidade e qualidade dos materiais q o Dr Rodrigo Silva está disponibilizando, quero me organizar para conseguir fazer o curso A Bíblia Comentada. Que Deus continue usando o Sr e capacitando cada vez mais.

  9. O Dr. Rodrigo Silva é uma pessoa especial que prega a palavra de Deus de uma forma fascinante. Já faço há mais de um ano o curso da Bíblia comentada. Estudar a Bíblia dessa forma abre nossos olhos para compreender melhor as verdades bíblicas. Parabéns ao Dr Rodrigo e a toda a sua equipe que nos tem proporcionado tanto conhecimento de qualidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ CONTEÚDO
língua
Arqueologia Bíblica
Equipe Rodrigo Silva
Que língua falava Jesus?

Muitas pessoas têm se perguntado ao longo dos séculos: que língua Jesus falava? Seria grego, hebraico, aramaico, latim? Essa questão tem gerado debates e curiosidades

Ler mais »
fé e tolerância
Dúvidas Bíblicas
Equipe Rodrigo Silva
Equilibrando fé e tolerância

Hoje estou aqui para compartilhar algo que tem me movido profundamente nos últimos tempos e que gostaria de discutir com todos vocês. Vamos falar sobre

Ler mais »
judeia
Arqueologia Bíblica
Equipe Rodrigo Silva
Como Roma invadiu a Judeia?

Em 63 a.C., Roma invadiu Israel e dominou Jerusalém, lançando o povo judeu em uma era de incertezas e revoltas constantes. Neste artigo, exploraremos o

Ler mais »
roboão
Dúvidas Bíblicas
Equipe Rodrigo Silva
Quem foi Roboão na Bíblia?

Roboão foi o filho de Salomão e neto de Davi, dois dos reis mais famosos de Israel. Sua história é uma mistura de poder, decisões

Ler mais »