Equilibrando fé e tolerância

Por <b>Rodrigo Silva</b>

Por Rodrigo Silva

Arqueólogo

Hoje estou aqui para compartilhar algo que tem me movido profundamente nos últimos tempos e que gostaria de discutir com todos vocês. Vamos falar sobre um assunto que está no coração de muitas pessoas: como conciliar nossa fé na igreja em que acreditamos ser verdadeira com aqueles que têm visões diferentes ou estão fora dela?

fé e tolerância

Você já ouviu falar da ideia de exclusivismo? Ultimamente, tenho visto muitas acusações sendo feitas contra os Adventistas do Sétimo Dia, por exemplo, de serem exclusivistas, afirmando que apenas eles serão salvos. Eu já respondi a essa questão diversas vezes, e a minha resposta é simples: assim como a guarda do sábado não garante a salvação, outras práticas também não. Afinal, honrar pai e mãe, não matar, não adulterar, não cobiçar… essas são todas práticas que também não garantem salvação por si só.

 

Então, surge a pergunta: o que fazemos com aqueles que não concordam conosco, ou até mesmo com aqueles que não compartilham da fé cristã? É importante lembrar que nossa convicção religiosa e teológica precisa ser conciliada com o amor ao próximo. Não podemos cair no extremo do exclusivismo, mas também não podemos relativizar a verdade bíblica.

 

É crucial entender por que estamos na igreja em que estamos. Não é por conveniência, por gostar do culto ou por questões superficiais. Deve ser por convicção, por acreditar na doutrina ali ensinada. Lembro-me de uma conversa em que alguém me disse que queria sair de sua igreja. Minha resposta foi clara: só se deve sair de uma igreja quando não se concorda mais com sua doutrina fundamental, não por questões secundárias como preferência pessoal.

 

No entanto, é interessante notar que ao longo da história, vemos exemplos de pessoas que estavam fora do povo de Deus visível, mas que demonstraram grande fé e foram reconhecidas por isso. Podemos citar Naamã, o general sírio, que mesmo não se tornando israelita, reconheceu o Deus de Israel como verdadeiro e buscou adorá-Lo.

 

Isso nos leva a refletir sobre a igreja visível e invisível. A igreja visível é aquela que temos, com sua estrutura e doutrina claras. Já a igreja invisível são aquelas pessoas sinceras em sua fé, estejam elas dentro ou fora da igreja visível. Deus conhece o coração de cada um e não limita Sua obra apenas àqueles que pertencem a uma instituição específica.

 

Essas são questões profundas que merecem ser discutidas com amor, respeito e entendimento mútuo. Convido vocês a assistirem a live especial no meu canal do YouTube, onde aprofundamos esses temas. Vamos juntos buscar um entendimento mais profundo sobre como viver nossa fé de forma autêntica e amorosa.

Aprenda mais sobre a Bíblia

Por aqui, não há limites para se aprofundar nas Escrituras Sagradas. Inscreva-se abaixo para receber conteúdos sobre a Bíblia, a Arqueologia e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ CONTEÚDO
tenda
Devocional
Equipe Rodrigo Silva
A tenda do encontro

Em Êxodo 33 encontramos um relato sobre uma tenda que pode muitas vezes passar despercebido. A história apresentada vai do versículo 7 ao 11, mas

Ler mais »
fé e tolerância
Dúvidas Bíblicas
Equipe Rodrigo Silva
Equilibrando fé e tolerância

Hoje estou aqui para compartilhar algo que tem me movido profundamente nos últimos tempos e que gostaria de discutir com todos vocês. Vamos falar sobre

Ler mais »
lamparinas
Arqueologia Bíblica
Equipe Rodrigo Silva
As lamparinas

No Museu de Arqueologia Bíblica é possível encontrar artefatos de diversas épocas, e um tipo de artefato que se repete em diversos momentos é a

Ler mais »
adventista
Dúvidas Bíblicas
Equipe Rodrigo Silva
Ellen White, seita e heresia?

Um debate surgiu a algumas semanas trazendo alegações que atacam aos Adventistas do Sétimo Dia, assim como já aconteceu em diversos momentos, por isso estou

Ler mais »
profetas maiores
Dúvidas Bíblicas
Equipe Rodrigo Silva
Profetas Maiores

Os Profetas Maiores são cinco livros: Isaías, Jeremias, Lamentações, Ezequiel e Daniel. Eles contêm as profecias e mensagens de quatro dos profetas mais conhecidos e

Ler mais »